Britânica já havia sido dada como morta 2 semanas antes de assassinato no AM: ‘Que não seja premonição’, disse a colega

 

Empresário e canoísta que ajudou britânica em início de jornada no Peru conversou com G1 e compartilhou última mensagem trocada. Emma Kelty foi morta a tiros durante expedição de caiaque.

G1 teve acesso a mensagens que Emma trocou com o empresário e também canoísta James “Rocky” Contos, que a ajudou no início da jornada. Ele diz ter recebido a notícia falsa da morte de Emma no dia 28 de agosto e, ao contatar a britânica por meio do geolocalizador, recebeu a resposta: “Vamos torcer para que não seja uma premonição!!”.

Essa foi a última mensagem que Contos recebeu de Emma. Em entrevista ao G1 nesta quarta-feira (20), ele lembrou a jornada da britânica nas semanas que antecederam a sua morte. Segundo ele, a esportista nunca havia feito canoagem na Amazônia e começou a se preparar com seis meses de antecedência.

Fonte: https://g1.globo.com/am/amazonas/noticia/britanica-ja-havia-sido-dada-como-morta-2-semanas-antes-de-assassinato-no-am-que-nao-seja-premonicao-disse-a-colega.ghtml

Enjoy this blog? Please spread the word :)