Agressão covarde: Jovem joga água fervendo na própria mulher durante discussão em Presidente Figueiredo

Uma agressão covarde abalou a cidade de Presidente Figueiredo/AM, no início da noite deste sábado(16), a bela jovem Juliane Lima Barbosa, 20 anos, foi vítima de uma ação criminosa praticada por seu namorado o indivíduo Jeferson Rios, com quem vivia maritalmente que, premeditadamente, atirou uma panela de água fervendo contra a namorada, causando-lhe graves queimaduras.

Juliane é uma bela jovem que trabalha profissionalmente na área de estética com serviços de maquilagem e sempre se destacou por sua beleza encantadora, já tendo inclusive, sido uma das finalistas do concurso de Rainha do Cupuaçu. Mantinha um relacionamento conturbado com esse rapaz, com diversas idas e vindas, já tendo inclusive, sofrido agressão física por parte dele, caso este exposto nas redes sociais.

Ontem, ao chegar enfezado do trabalho, Jeferson ferveu água em uma panela e a escondeu embaixo da cama do casal. Em seguida, iniciou uma discussão com Juliane por motivo desconhecido e, num dado momento, pegou a panela e atirou a água quente contra a moça, causando-lhe graves queimaduras.

 

 

Depois da ação criminosa, Jeferson Rios fugiu em sua motocicleta em direção à BR 174, não sendo mais visto desde então. Enquanto o agressor empreendia fuga, a vítima buscou socorro no Hospital Municipal Eraldo Neves Falcão. Parte do rosto, ombro e braços da jovem foram atingidos, sendo mais grave a região do rosto próximo à orelha, que pode vir a ter sequelas irreparáveis.

O caso causou comoção na cidade com centenas de manifestações de solidariedade a Juliane nas redes sociais. Seu pai, um empresário da área de turismo muito conhecido na cidade, Daniel Silva Barbosa, desencadeou uma campanha na tentativa de localizar o autor do delito, solicitando a todos que colaborem com informações que possam ajudar a localizar o delinquente.

Foi realizado o registro da ocorrência na delegacia local, tendo o caso sido registrado como violência doméstica com lesão corporal. Caso seja enquadrada como Lesão Corporal Grave, tem a seguinte classificação: 

  • Lesão corporal grave: exemplos são ações que deixe a vítima incapacitada de realizar tarefas domésticas, de lazer ou de trabalho por mais de 30 dias ou que gerem risco de vida. Também que cause debilidade permanente de membros, olfato ou sentido do corpo, como visão, paladar, respiração, digestão ou locomoção. Nesses casos as penas variam entre 1 e 5 anos de reclusão.

Este tipo de agressão covarde não pode ficar impune e, é este o clamor da sociedade figueiredense que torce pela prisão de Jeferson Rios, para que ele venha responder na justiça por seu ato criminoso.

Por: Bosco Cordeiro

 

 

Enjoy this blog? Please spread the word :)