Mário Abrahão, o vice perfeito!

“As prerrogativas clássicas do vice são substituir o titular, no caso de impedimento, e suceder-lhe, no caso de vaga. Essas prerrogativas de substituição e de sucessão geram no vice a expectativa de assumir o lugar do titular e exercer as respectivas atribuições do cargo.” 

Romeiro Mendonça e Mário Abrahão ainda durante a campanha, anunciaram que inovariam na maneira de administrar o Município de Presidente Figueiredo, entre tantas propostas que seriam postas em prática nas áreas da educação, saúde, obras e ações sociais, chamou a atenção o fato de que a cidade não teria um único prefeito pois os dois teriam a mesma responsabilidade administrativa, compartilhando assim, as tarefas e decisões a serem tomadas.

Poucos acreditaram que isso poderia ser possível, pois historicamente não se tem conhecimento de nenhum caso onde o vice tem poder e “status” de titular da pasta. Ao longo do primeiro ano de mandato, Romeiro e Mário repetiram por centenas de vezes, seja em inaugurações, reuniões comunitárias, entrevistas e até mesmo nas reuniões de secretariado, a frase “eu e Mário” ou “eu e Romeiro” um se referindo ao outro, quando anunciando decisões.

 

Na cultura do brasileiro, a figura do vice pouco aparece e quase nunca tem o valor reconhecido, isso é um fato muito comum no esporte e na política nunca foi diferente. Até mesmo no município, esta é a primeira vez que vemos o vice-prefeito presente diariamente a frente de grandes eventos e assumindo publicamente compromissos e tomando decisões que anteriormente, seriam exclusivas do titular da pasta. Esse inovador modelo, vem chamando a atenção de todos, principalmente porque dinamiza as ações administrativas.

Mário Abrahão é oriundo de uma tradicional família amazonense de empresários. Seu avô Mário, foi um próspero e conceituado comerciante atacadista, sendo seguido por seus filhos com empresas nas áreas de móveis e eletrodomésticos, como também na área de turismo inclusive com investimentos por longos anos no município de Presidente Figueiredo. Mário Abrahão faz parte da terceira geração da família e seguiu o exemplo deixado por seu avô, atuando na área empresarial juntamente com seu pai e tios. O vice prefeito é casado com a também empresária Kamila Abrahão e pais de um filho. 

Esse modelo inovador administrativo desmistifica a figura do vice relegado a ser apenas uma figura decorativa, com amplos poderes e dividindo responsabilidades e atribuições, podemos afirmar que “Mario Abrahão é o vice perfeito”!

Por: Bôco Cordeiro/Kamila Ferreira

 

Enjoy this blog? Please spread the word :)