A faca ficou alojada entre a garganta e o intestino da Bull Terrier de apenas 3 meses de vida

Aquela história de que cachorro é igual ou pior do que uma criança é a mais pura verdade. Se o bichinho é daqueles cheios de energia e está bem quietinho, o dono já pode desconfiar de que alguma coisa está errada. São nesses momentos de descuido que as coisas mais inimagináveis acontecem, como o caso de Macie que engoliu uma faca de 20 centímetros.

 

A faca ficou alojada entre a garganta e o intestino
Reprodução PSDA

A faca ficou alojada entre a garganta e o intestino

Ela foi levada ao pronto socorro por estar engasgada. Sua dona, Irene Paisley, achava que ela havia engolido algum brinquedo e se surpreendeu com a faca que apareceu no raio-x. Até hoje ela não sabe onde Macie encontrou o objeto.

“Ainda estou um pouco chocada, achei que encontraria no máximo um pedaço de brinquedo. Não posso imaginar como ela conseguiu essa faca, talvez tenha tirado da máquina de lavar louça, o que é bem difícil. Além disso, ninguém percebeu a ação. Só sabemos que a possibilidade de perder ela nos devastou”, contou Irene ao Press Association.

Macie com sua dona Irene
Reprodução PDSA / Sandy Young

Macie com sua dona Irene

A filhotinha da raça Bull Terrier de apenas 3 meses de vida foi vista como um milagre pelos médicos. O objeto cortante ficou perigosamente alojado entre a garganta e o intestino dela, mas os profissionais conseguiram retirá-lo com êxito.

“Nunca tinha visto um raio-X parecido com o de Macie. Ela só sobreviveu porque engoliu primeiro o cabo da faca, se não a lâmina teria cortado todos os órgãos e nada a salvaria. Foi uma sorte muito grande”, explicou a veterinária que está realizando todo o tratamento, Emily Ronald.

Macie está se recuperando muito bem e já recebeu alta para ficar em casa. Faz apenas visitas regulares para receber o acompanhamento adequado.

O caso do cachorro que engoliu a faca aconteceu em Glasgow, na Escócia.