Menina de quatro anos morre afogada na Lagoa Azul Park em Presidente Figueiredo

O domingo foi trágico no início da tarde deste domingo(02), no balneário Lagoa Azul Park localizado na Comunidade Boa Esperança no Km 120 da BR 174, Município de Presidente Figueiredo. Por volta das 13:00 horas, a Sra. Beatriz Viana Juvêncio percebeu a ausência de sua filha Ariela Beatriz Juvêncio de Araújo, 04 anos,  que estava em sua companhia e de outras pessoas participantes de uma caravana vinda da capital para conhecer o local de lazer. 

No instante em que deu falta da filha, Beatriz que era a organizadora da caravana, dirigiu-se ao Sr. William Marcelo dos Santos proprietário do logradouro perguntando se ele havia visto a criança. Imediatamente Marcelo acionou sua equipe e iniciaram a procura pela criança nos diversos ambientes do balneário e quando partiram para procurar na piscina natural do balneário, já viram a menina sendo retirada desfalecida pelo Sr. Ewerton Magalhães de Oliveira.

Imediatamente Marcelo, Ewerton e e outras pessoas presentes, iniciaram os procedimentos de primeiros socorros mas percebendo a gravidade do caso, tomaram a decisão de conduzir a criança ao Hospital Municipal Eraldo Neves Falcão, na sede da cidade e para isso contaram com a ajuda de um visitante em um veículo pick up. 

Ao chegar ao hospital, imediatamente a equipe médica iniciou os procedimentos de reanimação e como não obteve resultados positivos, foi declarado pelo Dr. Cláudio (plantonista), que a criança havia chegado ao hospital em óbito e que infelizmente mesmo com todos os esforços, ela não respondeu as tentativas de reanimação nada mais podendo ser feito.

Estima-se que Ariela tenha ficado por cerca de dez minutos afogada. No local onde ela estava, a profundidade da água é de cerca de 1,20 metros e na parte mai profunda , chega a ter 2,20 metros. Marcelo tem feito diversos investimentos na propriedade e recentemente construiu um deck apropriado para crianças com a profundidade de apenas 70 cm. O proprietário do balneário orientou a genitora sobre esta área específica para crianças mas apenas um pequeno descuido pode ser suficiente para a ocorrência desse tipo de tragédia. Diversos investimentos estão sendo realizados no balneário, visando oferecer maior comodidade e segurança aos visitantes.

Após a constatação do óbito, Marcelo acompanhou D. Beatriz até o distrito policial, onde foi registrada a ocorrência e realizado os procedimentos de praxe com a tomada dos depoimentos das pessoas envolvidas e posteriormente acionado o IML para remoção do corpo de Ariela à capital. Em todos os momentos os familiares da vítima foram assistidos pelo proprietário da Lagoa Azul Park, que estava bastante abalado com tragédia ocorrida em seu balneário.

Certamente estes acidentes podem vir a serem evitados, caso as pessoas procurem a orientação oferecida pela Prefeitura Municipal de Presidente Figueiredo, que mantém em regime de plantão, inclusive nos fim de semana e feriados,  o CAT-Centro de Atendimento ao Turista (Contato do cat 3324-1308, //foursquare.com/v/4fc0ed0be4b01f4bd1e62958), onde o visitante pode receber orientações sobre os lugares a serem visitados, como também faz a indicação de guias cadastrados na Associação de Guias de Presidente Figueiredo-ÁGUIAS, que são preparados e qualificados para fazer o acompanhamento aos turistas, oferecendo segurança durante o passeio. 

Por: Bôsco Cordeiro

 

Enjoy this blog? Please spread the word :)