Agricultor estupra menor com retardo mental na Comunidade da Morena

Agricultor estupra menor com retardo mental na Comunidade da Morena

M.E.B.S. de 13 anos sofre de retardo mental

Mais um caso grave de estupro de vulnerável, chegou ao conhecimento das autoridades policiais do Município de Presidente Figueiredo. Desta feita, o agricultor Adriano Barbosa de Lima, 31 anos, foi pego em flagrante abusando da menor M.E.B.S. que além de tudo, sofre de retardo mental. O caso aconteceu na Comunidade da Morena, km 20, do outro lado da margem do Rio Uatumã, no Distrito de Balbina.

Adriano é morador das proximidades da casa da vítima, com quem mantinha um relacionamento de amizade com os familiares da garota e foi pego em flagrante por um rapaz parente da garota, na noite desta quarta-feira(26), que imediatamente comunicou o caso a sua avó, a Sra. Francisca Rodrigues de 63 anos, responsável por criar a garota desde seu nascimento.

Abalada com a acusação do neto, D. Francisca comunicou o fato ao pai da criança, e este,  por não ter canoa no momento do ocorrido para ir ao posto policial da Vila de Balbina, esperou o dia amanhecer e então foi denunciar o caso às autoridades militares que imediatamente se deslocaram até o local do ocorrido e quando chegaram, Adriano Barbosa esboçou reação armado com um terçado mas foi contido e conduzido primeiramente ao posto policial e em seguida à sede do município para prestar esclarecimentos sobre o ocorrido no 37 DIP.

O Conselho Tutelar foi acionado para dar assistência a menor e esta deverá ser conduzida à capital para realizar os exames que este caso requer e comprovar a prática do abuso que D. Francisca suspeita que já ocorram à cerca de três meses.

Assista reportagem da Rádio Uatumã em Vila de Balbina, por Paulo Pio Pinheiro, no momento em que Adriano Barbosa era conduzido ao 37 DIP: 

Por: Bosco Cordeiro

Colaboração : Rádio Uatumã/Paulo Pio Pinheiro

 

 

Enjoy this blog? Please spread the word :)