Corpo de mulher desaparecida há 4 dias é encontrado em rio no Amazonas

 

Após o resgate, familiares foram acionados pelos bombeiros e fizeram o reconhecimento da mulher

Conforme o Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (Cbmam), os profissionais estavam encerrando o quarto dia de buscas quando receberam o chamado que um corpo estaria boiando no local. 

Manaus– O corpo de uma mulher desaparecida desde o dia 24 de janeiro deste ano, identificada como Carla Regina Santoro Carrilho, de 54 anos, foi encontrado na início da noite desta segunda-feira (28), por volta das 18h15, às margens do porto do distrito de Cacau Pirêra, no Iranduba (distante 24,95 quilômetros de Manaus).

Conforme o Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (Cbmam), os profissionais estavam encerrando o quarto dia de buscas, quando receberam o chamado que um corpo estaria boiando no local. Após o resgate, familiares foram acionados pelos bombeiros e fizeram o reconhecimento da mulher.

 A causa da morte não foi informada pelos bombeiros
A causa da morte não foi informada pelos bombeiros | Foto: Divulgação

De acordo com a filha da vítima, Larissa Fonseca, no dia em que desapareceu, Carla saiu por volta das 10h da casa onde morava, situada na rua Professora Lea Alencar, bairro Alvorada, Zona Centro-Oeste da capital. A mulher não informou para onde iria.

 

Os policiais civis da Delegacia Especializada de Ordem Política e Social (Deops) solicitaram ajuda da imprensa para encontrar a mulher, durante o sumiço. A causa da morte não foi informada pelos bombeiros.

“Só quem pode determinar a causa da morte são os peritos do Departamento de Polícia Técnico-Científica, da Polícia Civil, na sede do Instituto Médico Legal”, explicou o subtenente do corpo de bombeiros que preferiu não se identificar.

O corpo foi removido do pelotão fluvial localizado no Centro da cidade pelos funcionários do Instituto Médico Legal (IML). O caso será investigado pela PC.

Fonte: //d.emtempo.com.br/

Enjoy this blog? Please spread the word :)